Corinthians é eliminado pelo Boca Juniors e dá adeus ao bi da Libertadores

Riquelme-Boca-Juniors-FuteRock

Por Charley Gima

É, um raio não cai duas vezes no mesmo lugar! Ninguém consegue ganhar um bicampeonato continental contando apenas com a sorte, é preciso muita técnica! Técnica que o Corinthians não mostrou em campo, apesar de ter começado este jogo com um gol de defasagem, aquele que sofreu no primeiro jogo na Bombonera.

Quanto ao Boca Juniors, bastava apenas um empate para passar para as quartas de final da Libertadores,e foi o que conseguiu, jogando de forma correta contra um time desesperado.

O primeiro tempo começou nervoso para o Timão, que não se encontrava em campo, deixando o Boca dominar o jogo, sendo comandado por Riquelme, que não havia jogado no primeiro jogo. O time, a torcida, ficaram mais nervosos ainda quando o juiz não deu um pênalti pro Timão e logo depois sofreu um gol, num chute de longa distância de Riquelme, que venceu o goleiro Casio, que falhou por estar mal posicionado. Festa dos argentinos e desespero dos corinthianos! O desespero ficou maior quando Romarinho teve um gol anulado por impedimento.

O Corinthians sofreu na pele neste jogo o que seus adversários costumam sentir quando são lesados pela arbitragem a favor do Timão

O segundo tempo começou com tudo, com Tite colocando Pato e Edenilson, numa clara prova de desespero. E o Timão conseguiiu seu gol aos 6 minutos, com Paulinho cabeceando  um cruzamento de Sheik, empatando a partida.

Esperava-se uma verdadeira blitz após o emapte, pois somente mais dois gols salvariam o Corinthians. Mas nada feito… Alexandre Pato ainda perdeu um gol feito, provando que Felipão estava certo em não convocá-lo para a Seleção Brasileira.

É, Riquelme fala e faz! E o Corinthians não vai mais poder ir pra Istambul, pois o sonho acabou, na mesma semana que a novela Salve Jorge também acaba. Salve o Corinthians? Quem sabe da próxima vez…

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1 X 1 BOCA JUNIORS

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 15/5/2013 – 22h
Árbitro: Carlos Amarilla (Fifa-PAR)
Auxiliares: Rodney Aquino (PAR) e Carlos Cáceres (PAR)

Renda/Público: R$ 2.709.112,50 / 36.319 pagantes
Cartões Amarelos: Alessandro, Paulinho e Emerson Sheik (COR); Orion, Blandi e Marín (BOC)
Cartões Vermelhos: –
GOLS: Riquelme, aos 24’/1ºT (0-1) e Paulinho, aos 5’/2ºT (1-1)

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro (Edenílson, Intervalo), Gil, Paulo André e Fábio Santos; Paulinho e Ralf; Romarinho (Pato, Intervalo), Danilo (Douglas, 29’/2ºT) e Emerson Sheik; Guerrero. Técnico: Tite.

BOCA JUNIORS: Orion; Marín, Caruzzo, Burdisso e Clemente; Somoza, Erbes (Bravo, 34’/2ºT), Erviti e Sánchez Miño; Riquelme (Viatri, 22’/2ºT) e Blandi (Zárate, 38’/2ºT). Técnico: Carlos Bianchi.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s