Atlético-MG sofre mas vai para a final da Libertadores

Atlético-MG x Newell´s Old Boys-Bernard-FuteRock

Por Charley Gima

Em noite de muito sofrimento para a torcida do Atlético-MG, Victor foi heroi ao pegar o último pênalti de Maxi Rodrigues, do Newell´s Old Boys, e classificar o Galo para a final da Libertadores contra o Olímpia, do Paraguai.

Victor-Atlético-MG-Libertadores-FuteRock

O Galo começou o jogo muito bem e Bernard marcou logo aos 2 minutos de jogo, chutando por baixo do goleiro argentino após receber um belo passe de Ronaldinho Gaúcho. E continuou pressionando pelos 15 minutos seguinte, mas não conseguiu ampliar o placar. O Newell´s dava trabalho e teve até um gol anulado, para sorte do Galo. Diego Tardelli ainda se chocou com o goleiro Gúzman, que fez com que a partida ficasse paralisada para atendimento, pois sangrava muito e teve que fazer um curativo para estancar o sangramento.

Mas nenhum outro gol saiu e o primeiro tempo acabou deste jeito. O segundo tempo foi mais sofrido ainda para os torcedores do Galo, pois o Newell´s Old Boys tem um time experiente e soube cadenciar o jogo, oferecendo perigo ao gol de Victor em chute de Cáceres, defendida pelo goleiro, e outro de Scocco, em cobrança de falta, que passou perto do ângulo esquerdo.

Outra parada forçada no segundo tempo! Aos 32 minutos parte da iluminação caiu e o juiz decidiu paralisar e esperar a volta dos refletores. Foi bonito ver a torcida gritando “eu acredito” nessa hora, dando força aos atleticanos em campo!

E deu certo! Guilherme, que havia entrado no lugar de Tardelli, ficou com a sobra de uma bola mal tirada e bateu de fora da área para fazer 2X0, placar que levaria aos pênaltis.

O Newell´s já tinha eliminado o Boca Juniors nos pênaltis e todos falavam que era um time perfeito neste tipo de disputa. Não foi o que pareceu! Desperdiçaram duas cobranças, após Jô e Rycharlison também perderem suas batidas. E na quinta e última cobrança, Ronaldinho Gaúcho converteu e Victor fez seu papel ao agarrar o último pênalti argentino!

Agora Belo Horizonte está em festa e temos mais um time brasileiro na final deste torneio sulamericano tão querido, a Libertadores!

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-MG 2 (3) X (2) 0 NEWELL’S OLD BOYS
Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Data/Hora: 10/7/2013 – 21h50h (de Brasília)
Árbitro: Roberto Silvera (URU)
Auxiliares: Miguel A. Nievas e Carlos Pastorino (URU)
GOLS: Bernard, 3’1ºT (1-0), Guilherme, 50’2ºT (2-0)
Cartões amarelos: Pierre, Bernard (CAM), Cáceres, Casco e Tonso (NEW)
Cartões vermelhos: —

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gilberto Silva e Richarlyson; Pierre (Luan, 31’2ºT) e Leandro Donizete; Diego Tardelli (Alecsandro, 46’2ºT), Ronaldinho e Bernard (Guilherme, 46’2ºT); Jô – Técnico: Cuca

NEWELL’S OLD BOYS: Guzmán, Cáceres (Orzán, 54’2ºT), Vergini, Heinze (López, 25’1ºT) e Casco; Mateo, Bernardi e Cruzado; Figueroa (Tonso, 27’2ºT), Maxi Rodríguez e Scocco – Técnico: Gerardo Martino.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s